segunda-feira, 21 de março de 2011



Ultimamente vivo numa carência, é uma carência ingênua de carinho, afeto, palavras bonitas, olhares. É carência de alguém, de um colo ou de um abraço, de um ombro para um choro e um desabafo.


N. Martins.

5 comentários:

  1. Também me sinto carente as vezes, sempre tem um dia em que me olho no espelho e penso ninguém me ama e ninguém me quer mais logo passa e dou graças a Deus por esse sentimento ser só as vezes.

    ResponderExcluir
  2. De vez em quando me sinto carente de quase tudo,e ai procuro pessoas especiais para ocuparem essa carência,dificilmente dá errado!
    Beijo grande

    ResponderExcluir
  3. São carências típicas nossas, mas vão sendo cobertas com surpresas deliciosas que nos são oferecidas no dia-a-dia... Graças a DEUS =)

    Um beijo, fofa!

    ResponderExcluir
  4. tbm me sinto asim as vezes ;/, mt lindo seo blog
    beijoo :)

    ResponderExcluir
  5. É super normal isso! Tem dias que nos sentimos tão sozinhas, tão carentes de carinho, até mesmo uma palavra amiga. Fazer o que se somos sensíveis?? rsrs

    Tenha uma ótima quarta, querida. Estou lhe seguindo!

    ResponderExcluir